A manhã estava muito fria, mas, mesmo assim os peregrinos esperaram o encontro com Nossa Senhora, neste 2 de novembro, aqui em Mediugórie. Mesmo com a presença de muitos peregrinos, ainda era possível encontrar um lugar para se ajoelhar e rezar perto da Cruz Azul. Marcos, o esposo de Miriana, conduziu  um grupo de peregrinos até a Cruz Azul por volta das 8h15 da manhã. Miriana veio atrás deles, caminhando devagar, rodeada de pessoas que a ajudam. Chegando à Cruz Azul, Miriana ajoelhou-se começou a rezar o terço em voz alta. Lágrimas podiam ser vistas escorrendo por sua face. Às 8h25, Nossa Senhora apareceu. Uma jovem estava rezando um mistério do Terço, mas parou no meio, e todos perceberam que Nossa Senhora havia chegado. O silêncio logo envolveu toda a Colina. A aparição terminou às 8h30. Miriana, debilitante, sofrendo fortes dores nas costas, não conseguiu se levantar sozinha. Ela foi ajudado e conduzida para sentar-se em um banco de cimento em frente à Cruz Azul. Aí ela transmitiu as palavras de Nossa Senhora. A mensagem foi lida em voz alta nas línguas croata, inglesa e italiana. Miriana, se quisesse, poderia escolher não ir à Cruz Azul para a aparição, pois atualmente ela sente grande dor  no seu corpo, mas ela disse que não quer decepcionar os peregrinos que viajam de lugares muito distantes para estar com Nossa Senhora. Veja abaixo a mensagem de Nossa Senhora.

Queridos filhos, olhando para vocês, reunidos em torno de Mim, sua Mãe, vejo muitas almas puras, muitos dos meus filhos procuram amor e consolo, mas não há quem lhos ofereça. Vejo também aqueles que fazem o mal, porque não têm bons exemplos, e por isso não conheceram Meu Filho. O bem que é silencioso, propagado por meio de almas puras, é a força que sustenta este mundo. Há muito pecado, mas também há muito amor. Meu Filho envia-Me, Sua Mãe, que é mãe de todos, para ensinar-lhes a amar e para que compreendam que são todos irmãos. Ele deseja ajudá-los. Apóstolos do meu amor, basta ter um vivo desejo da fé e do amor para que Meu Filho os acolha. Vocês, porém, devem ser dignos, ter boa vontade e corações abertos. Meu Filho faz morada nos corações abertos. Eu, como Mãe, desejo que vocês conheçam mais Meu Filho, Deus, nascido de Deus, assim compreenderão a grandeza de Seu amor do qual vocês tanto precisam. Ele tomou sobre Si seus pecados, obteve Redenção para vocês e, em troca, pediu que se amassem uns aos outros. Meu Filho é amor. Ele ama todas as pessoas sem distinção, pessoas de todas as nações e povos. Se vocês, Meus Filhos, viverem o amor de Meu Filho, o Seu Reino já estará presente na Terra. Portanto, apóstolos do meu amor, rezem, rezem para que Meu Filho e Seu amor estejam o mais próximo possível, para serem um exemplo de amor e ajudar todos aqueles que ainda não conhecem Meu Filho. Nunca se esqueçam de que Meu Filho, Uno e Trino, ama vocês. Amem e rezem pelos seus sacerdotes. Agradeço-lhes.