Queridos filhos, por vontade de Meu Filho e por Meu amor materno, venho a vocês, meus filhos, especialmente para aqueles que ainda não conhecem o amor de meu Filho. Eu venho a vocês que pensam em Mim, e que Me invocam. A vocês,  ofereço-lhes Meu amor materno e a benção de meu Filho. Vocês têm corações puros e abertos? Vocês reconhecem os dons, os sinais de Minha presença e do Meu amor? Meus filhos, em sua vida terrena sigam Meu exemplo. A Minha vida foi penosa, de silêncio, de incomensurável fé e de confiança no Pai do Céu. Nada acontece por acaso: nem a dor, nem a alegria, nem o sofrimento, nem o amor. Tudo isso são graças que meu Filho lhes concede e que os conduzem à vida eterna. De vocês, meu Filho pede amor e oração a Ele. Como Mãe, desejo ensinar-lhes: amar e rezar a Ele significa rezar no silêncio de sua alma, e não apenas recitar com os lábios; esse é mesmo o menor e belo gesto feito em nome de Meu Filho; é a paciência, a misericórdia, a aceitação da dor e do sacrifício feito por amor aos outros. Meus filhos, meu Filho está vendo vocês. Rezem para que possam contemplar Sua face e ela possa ser revelada  a vocês. Meus filhos, Eu estou mostrando a vocês a única e autêntica verdade. Rezem para que possam compreendê-la e semear amor e esperança, e que possam ser apóstolos de Meu amor. De forma especial, meu Coração materno ama os sacerdotes. Rezem por suas mãos consagradas. Obrigada!